História

A “Legião de Maria” é uma associação de Católicos leigos,  fundada em Dublin – Irlanda, no dia 07 de setembro de 1921 por Frank Duff, juntamente com um grupo de senhoras  e  o padre Michael Toher. Sob o comando de Maria Imaculada Medianeira de Todas as Graças, constitui-se a Legião num exército de batalha contra o mal que existe no mundo. Os legionários fazem o propósito de adquirir e nutrir profunda humildade, obediência, doçura angélica, aplicação à mortificação, oração, paciência, amor corajoso a Deus e aos irmãos, procurando espelhar-se nas excelsas virtudes de Nossa Senhora. A catequese, pregação do Evangelho, visita e assistência espiritual aos enfermos, visitas às famílias,  idosos e  pessoas  marginalizadas são alguns dos campos de atuação dos membros da Legião de Maria.

 

A Associação fundada em 1921 possuía o título de “Nossa Senhora da Misericórdia”. À medida que iam sendo criados novos grupos, cada qual recebia uma denominação diferente, sempre com um título de Nossa Senhora, que era a inspiração do movimento. Foi só em novembro de 1925, porém, que Frank Duff estabeleceu o título geral de “Legião de Maria”, para designar todos estes grupos distintos, subordinados à Associação de Nossa Senhora da Misericórdia. Retrocedendo dois mil anos, ele transportou para a sua Legião de Maria, a estrutura da organização do exército romano. Marcou o início de uma batalha divina contra a propagação do poder do mal sobre a Terra, dentro do espírito próprio de Maria Santíssima.

Constituição

senatus bh, Legião de maria bh, legião de maria, senatus immaculata

FILIAÇÕES